quarta-feira, 13 de maio de 2015

Motivação

       Olá gente.
      Motivado por observações de algumas leitoras em seus comentários, achei que seria legal dar algumas pequenas explicações do que se passa na mente desse autor.
     Há muito tempo noto que existe curiosidade a respeito dos temas usados em minhas crônicas. Algumas pessoas chegam a pensar que se trata de experiências pessoais, outras afirmam que existe um Q de mediunidade em algumas narrativas.
    Como já é de hábito, tento sempre transmitir a sensação da minha motivação de momento na escolha do assunto. Uma coisa eu garanto: a intenção é sempre de transmitir boas mensagens às pessoas. E, desta forma, fazer com que exercitem a criatividade intelectual para interpretação de texto e da vida. E, pensando por outro lado, clarear as ideias de algumas pessoas que precisam melhorar no trato com o semelhante.
     Nas passagens em que busco a abordagem essencialmente espiritual, é despertado o foco de curiosidade, ou da vivência de muitos, que através de alguma crença ou do desapego moldam um estilo de vida próprio. 
     O ramo espiritual representa a energia cármica que todos carregam, em um ou mais ciclos de existência e seus aprendizados.
      Quando da abordagem no cenário simbólico procuro levar energias celestes, ou espectrais, que nos rodeiam - um segredo para ser desvendado aos poucos a respeito do passado, presente e futuro de cada um.
     Algumas pessoas que possuem o conhecimento desse simbolismo sabem do que estou falando, e para aquelas que não possuem esse tipo de dinamismo, ou são céticos, entendo com naturalidade que meus escritos pareçam enigmas, ou algo incompreensível do ponto de vista racional. No entanto, eu sei, que novas descobertas, ou inclusive propostas de vida, podem ser vistas claramente aqui. Os conhecimentos e sensações que procuro passar são ensinamentos que percorrem séculos de um estudo complexo sobre a ligação das pessoas e das almas em trânsito, isso em seus encontros em vidas carnais ou em situações de resgate emocional – pois, nada acontece por acaso nesse universo em que vivemos. É claro que compreendo muito bem que para muitas pessoas tudo o que escrevo aqui pode até parecer ofensivo - se interpretado por um lado ideológico e pessoal e não por uma veia filosófica universal. No entanto, gostaria de deixar claro que eu acredito nas energias do universo e na evolução espiritual através de toda manifestação cósmica – seja para aqueles que consideramos seres viventes nesse mundo que conhecemos, ou não.
     Bem... Sabemos que os seres humanos são extremamente complexos em cada existência percorrida. Talvez por isso eu esteja tirando através das palavras um tipo de fotografia da alma, que caberia muito bem na missão de muitos que ainda estão por aqui. Nem preciso dizer que tudo não passa de uma representação simbólica da evolução espiritual repleta com todos os carmas que se carrega a cada segundo de vida.
    O grande dilema, como já citado em outros textos, é que muitas pessoas interpretam tudo como se fossem mensagens dirigidas. Entendo muito bem que diante de cada narrativa, - que pode ser tão explicitamente clara para alguns - a noção de verdade para uns é aparente e para outros uma fantasia. Exatamente por essa razão encaro como normal trazer a tona, e à mente das pessoas, imagens que lhes tragam lembranças do passado. Isso pode ser uma tática de balançar o equilíbrio emocional ou confundir tão intimamente cada um, a ponto da missão de vida desses seres parecerem incompletas a partir de determinado ponto.
     Posso garantir que aquele que possui um mínimo de conhecimento espiritual, - seja essa pessoa de que religião for - não sentirá qualquer dificuldade de entender que isso nada mais é que uma experiência coletiva de noção universal - o bem e o mal andando juntos - e todos sendo influenciados por isso. Essa afirmação se baseia naquilo que chamamos de lei da ação e reação. Importante saber sobre tudo isso é que existe uma programação, alguma coisa que determina o movimento que vai girar a roda do destino para o qual foi impelida devagar ou rapidamente. Com essa ação talvez apareça do nada uma fotografia da alma que vai mudando, uma fotografia feia e repugnante, porém realista.
    Talvez cause algum impacto quando assuntos assim são abordados, coisas que levam a pensar nas dívidas que acumulamos com os outros e os outros com a gente, ou, laços de amizades e amores do passado que trazemos para o presente e nos fazem entrar em conflito permanente com a realidade.
      Demora-se a perceber que determinada postura precisa ser melhorada com complacência e generosidade - só assim chega-se a atitude positiva.
      Uma etapa de vida que é feita de abnegação, dedicação e sofrimento, ainda assim, poderá ser vista como uma atitude positiva; o amadurecimento da alma para um patamar mais elevado. Esse pode ser o maior exemplo de coragem e determinação a ser seguido.
     Como tudo na vida, é necessário dar o primeiro passo à purificação dos sentimentos ruins - livrando-se das atitudes egoístas, omissas e desrespeitosas ao próximo, e assumir as responsabilidades do destino de forma serena.
     A vida está aí para ensinar todas as lições através das tribulações que nos colocam em cheque, nos mostra o caminho que vai muito além daquilo que imaginamos como certo. O maior objetivo é tirar dela o melhor proveito possível, porque toda semente atirada tende a florescer, seja ela boa ou ruim. Com isso cada ser há de arcar com as conseqüências daquilo que planta pelo sorriso ou pela dor, sabendo que toda semente, mesmo que numa terra árida, com o amor florescerá sem espinhos - assim dita a lei da natureza.
    Tudo na vida tem beleza e pureza quando temos um espírito transcendental, livre; o qual reconhece a alma como templo. Assim procuro agir e transmitir em meus escritos. É com esse pensamento que se torna possível aprender a perdoar a tudo e a todos - esta é a melhor ação para atingir a única solução para não carregar nenhum fardo adiante.
     Desta forma sempre impera o amor incondicional como a principal autodefesa e na criatividade necessária de viver - além das escolhas em cada dia. Pois, tudo o que se tem nessa vida não é nada, tudo é temporário, apenas o amor no coração é definitivo. E assim se dá toda a minha motivação...

6 comentários:

  1. Patricia Ramos Sodero14 de maio de 2015 17:53

    Olá,Renato!Mas que bela maneira de mostrar de onde vem tanta inspiração para escrever seus textos.É muito grandioso ver que,através deles,você ajuda muitas pessoas a refletirem,fazendo-as enxergar que cada um possui um caráter,uma personalidade e que devemos aceitar o próximo com seus defeitos também.Temos o livre arbitrio de escolher o caminho que queremos seguir e no que devemos crer ou não.A motivação que você se refere,distingue bem as experiências talvez passadas,onde houve grande crescimento espiritual,que com o tempo,feridas foram cicatrizadas e atitudes passaram a servir de exemplo para que,nós,leitores,possamos "cair" em várias realidades.Pura verdade quando diz que dessa vida,nada se leva.Somente atitudes tomadas com o coração puro,serão lembradas quando nossa "parte física" não estiver mais neste plano terrestre.Parabéns por mais um texto,ilustrado com um lindo vídeo,que nos transmite uma grande PAZ DE ESPÍRITO.
    Bjooossss e até o próximo!Continue nos encantando...

    ResponderExcluir
  2. Imagino q este tenha sido um dos txts + difíceis de escrever, não é msm Renato?!
    Digo isto pq considero árduo o trabalho de descrever sobre nós msms, pois, mtas vezes, o “sério” pode parecer “fantasioso” e vice versa, uma vez q a interpretação do escrito e das suas estrelinhas depende da emoção do momento, tnt na escrita cm na leitura...
    É mto bom p/ nós leitoras saber um pouco mais sobre este q nos escreve e do q motiva suas inspirações, pq nos ajuda na identificação das idéias dos txts e tbém na explanação das nossas conclusões. Sem contar q isto nos aproxima e nos deixa + “intimas” do escritor, c/ td respeito!!!
    BJSSS - Edneia

    ResponderExcluir
  3. Bacana de você estar falando algo tão reservado e íntimo (no aspecto do seu blog).. O legal q vc diversifica seus temas, parecendo um bate-papo, ou melhor, transmitindo algo positivo.. está numa fase inspiradora "auto ajuda" pra muitas leitoras q se encontram como vc descreve aqui. Andréa Cardoso.

    ResponderExcluir
  4. Hum começo de suas escritas seu autor? "Motivação", todos têm esse empurrão, seja qual foi a experiência que a vida nos apresentou e torná-la como exemplo, ou então, acalentar tantos'corações vazios e desesperançoso'. Não temos o ímpeto de apontar erros e sim aconselhar. Se tudo que você escreve aqui é algo místico, fique certo que está no caminho certo. Parabéns! Ana

    ResponderExcluir
  5. Acredito que todo ser humano vem ao mundo com pra cumprir e deixar algo que seja positivo ou negativo(lembrando que ninguém aqui seguirá a risca uma vida perfeita). Mas, voltando ao seu tem ade hoje MOTIVAÇÃO, esse sim são pra poucos que querem realmente seguir essa meta, muitos pensam e não colocam em prática com medo de críticas e retalhações, enfim. O percurso que a vida nos leva deverá ser sem culpa ou estranheza perante as pessoas, ser feliz que é o que importa, se Vc achou sua motivação nas escritas, parabéns! Está excelente que Deus ilumine sempre seu caminho e sua mente pra dividir com nós leitoras que adoramos seus textos, sempre trazendo algo positivo. Abraços. Raquel.

    ResponderExcluir
  6. Parabens, vc tem uma visão clara de espiritualidade.
    Bom será qdo todos praticarem . bjs

    ResponderExcluir